domingo, 31 de julho de 2011

Festa de Santana de Caicó recebe neste domingo Título de de Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil


A secular Festa de Sant’Ana de Caicó, celebrada há 263 anos na capital do Seridó potiguar, ganha motivo extra para se orgulhar: durante a programação de encerramento hoje, o evento receberá o importante título de Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil, reconhecimento concedido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. A solenidade de entrega da condecoração terá a presença do bispo Diocese de Caicó, Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz, e do prefeito Bibi Costa, que irão receber o título das mãos de representantes do Iphan. Essa é a terceira manifestação religiosa a integrar a seleta lista do Livro das Celebrações. Desde 2007 que o Iphan realiza o levantamento das referências culturais da Festa de Sant’Ana. Um efeito prático imediato, previsto Iphan, é a maior capacidade para elaborar projetos que visem a preservação da festa. Entre as diretrizes estabelecidas durante o processo de registro, destaca-se a necessidade de implantação de ações que incentivem e garantam a transmissão dos saberes populares como a preparação do chouriço e o ofício do bordado; a adoção de um Programa de Educação Patrimonial em escolas da rede pública para difundir o conhecimento e potencializar a preservação do patrimônio cultural; e, por fim, a criação de um Memorial de Sant’Ana mais a elaboração de um roteiro histórico voltados para a divulgação dos principais monumentos da região. “É uma grande satisfação para a Igreja, e há todo um sentimento simbólico que nos enche de orgulho”, garante o bispo Dom Manuel Delson. Além da Festa de Sant’Ana de Caicó, apenas outras duas manifestações populares religiosas, são registradas no Iphan como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil: o Círio de Nazaré, em Belém (PA), procissão realizada a partir de 1792; e a Festa do Divino Espírito Santo de Pirenópolis (GO), celebrada desde 1819 – o evento religioso da capital paraense foi pioneiro, está inscrito desde 2004 no Livro das Celebrações, enquanto a festa do município goiano entrou na lista em abril de 2010.
Fonte: Tribuna do Norte

sexta-feira, 29 de julho de 2011

"Orador" da Constituição argentina, "quase" beato

Estado atual da causa de beatificação de Esquiú. O frei franciscano e bispo que passou à história como o "orador" da Constituição argentina de 1853, Mamerto de la Ascensión Esquiú (1826-1883), em breve pode ser beatificado, segundo revela o vice-postulador da causa de beatificação. O frei Jorge Martínez OFM afirmou que o processo está quase concluído. Em nota publicada na revista Nuestro Tiempo, ele diz que o que falta agora é a aprovação de um milagre. Como franciscano, frei Mamerto dedicou-se à educação, sendo professor de crianças e no convento. Após a Guerra Civil, no dia 9 de julho de 1853, ele pregou seu famoso Sermão da Constituição, onde pediu concórdia e união para os argentinos. Seu discurso obteve êxito nacional. Ali ele assentou bases de doutrina jurídica e sociológica para a história constitucional argentina. Já em 1876, ele foi encarregado de reorganizar sua ordem franciscana na Argentina. Em 1878, foi nomeado bispo de Córdoba, onde levou uma vida austera, deu um novo impulso à evangelização em sua diocese e percorreu quase todas as cidades e povoados da jurisdição.
Fonte: CNBB.org.br

Anunciada descoberta da tumba de São Felipe





Em Pamukkale, antiga Hierápolis (Turquia), onde o apóstolo faleceu. Os arqueólogos asseguram que se trata da tumba do apóstolo Felipe, um dos 12 discípulos que acompanharam Jesus. A descoberta aconteceu em Pamukkale, antiga Hierápolis, em Anatólia Ocidental (Turquia), cidade em que Felipe morreu, depois de ter pregado na Grécia e na Ásia Menor. A descoberta foi realizada pela missão arqueológica italiana empreendida desde 1957, composta hoje por uma equipe internacional, dirigida desde o ano 2000 por Francesco D’Andria, professor da Universidade de Salento. "Junto ao Martyrion (edifício de culto octogonal, construído no lugar onde Felipe foi martirizado), encontramos uma basílica do século V de três naves", explica o diretor da missão. Um resultado importante na busca da tumba de São Felipe – recorda L'Osservatore Romano –, já tinha sido alcançado em 2008, quando a equipe encontrou a rua que os peregrinos percorriam para chegar ao sepulcro do apóstolo. Agora se chegou a esta nova meta. "Esta igreja foi construída ao redor de um túmulo romano do século I, que evidentemente gozava da máxima consideração, já que mais tarde se decidiu edificar ao seu redor uma basílica. Trata-se de uma tumba em forma de nicho, com uma câmara funerária." Colocando em relação esses e muitos outros elementos, "chegamos à certeza de ter encontrado a tumba do apóstolo Felipe, que era meta de peregrinação a este lugar", afirma D'Andria. No século IV, Eusebio de Cesareia escreveu que duas estrelas brilhavam na Ásia: João, sepultado em Éfeso, e Felipe, "que descansa em Hierápolis". A questão ligada à morte do apóstolo suscita controvérsia. Segundo uma antiga tradição, de fato, ele não teria morrido martirizado. Já os evangelho apócrifos contam que ele teria sofrido martírio sob os romanos.

Fonte: CNBB.org.br

Bento XVI anuncia novas nomeações para o Brasil




O papa Bento XVI nomeou, no dia 27, dom Manoel dos Reis de Farias novo bispo da diocese de Petrolina (PE), transferindo-o da diocese de Patos, na Paraíba. Ele sucede a dom Paulo Cardoso da Silva, 76, que teve seu pedido de renúncia aceito pelo papa, por limite de idade, conforme o Cânon 401 § 1º do Código de Direito Canônico.
Bento XVI nomeou também o monsenhor Gilson Andrade da Silva, 44, bispo auxiliar da arquidiocese de São Salvador, na Bahia.  Ele é reitor do Seminário Nossa Senhora do Amor Divino, da diocese de Petrópolis (RJ).

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Hora da Família 2011 discute “Família, Pessoa e Sociedade”


Dos dias 14 a 20 de agosto, acontece em todo o Brasil, o evento promovido pela Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e pela Comissão Nacional da Família, que é a tradicional “Hora da Família”. Este evento, que está em sua 15ª edição é promovido desde 1992 e acontece anualmente no mês de agosto, que é o Mês Vocacional. Este ano, o tema do encontro é “Família, Pessoa e Sociedade”. “O papa bento XVI destacou a importância da família para a edificação da sociedade e seu bem-estar e exortou a todos os cristãos a confiar em Deus como aquele que concede todos os bens e sustenta as famílias no seu cotidiano. Uma sociedade sólida nasce, certamente, do compromisso de todos os seus membros, mas tem necessidade da bênção e do suporte de Deus que, infelizmente, é frequentemente excluído e ignorado. Sem Deus, busca-se inutilmente construir uma casa estável, edificar uma cidade segura, porém, com Deus, teremos uma família rica de filhos e serena, uma cidade bem segura e defendida, livre de pesadelos e de insegurança”, disse o arcebispo de Londrina (PR) e ex-presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família, dom Orlando Brandes. 
Fonte: CNBB

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Universitário iraniano é preso por pregar evangelho


As forças de segurança do governo iraniano prenderam um estudante universitário na frente de sua casa, com base na acusação de que tem evangelizado e propagado o cristianismo na universidade. Até agora não se tem nenhuma informação sobre o paradeiro do estudante. De acordo com relatos recolhidos pela Mohabat News, o jovem de 24 anos, chamado Mostafa Zangooyee, foi preso por policiais à paisana da força de segurança, ao sair de casa, tendo sido levado a um local não revelado. Agentes da força de segurança, posteriormente, contataram os pais do jovem e lhes informaram sobre a prisão e as acusações feitas contra seu filho. Os policiais afirmaram que a acusação contra o jovem foi de evangelização e propagação da fé cristã no campus da universidade. Mostafa Zangooye é um estudante universitário nascido em Gachsaran, uma cidade na parte sul do Irã, e permanece sob custódia da polícia; sua condição atual e seu paradeiro permanecem desconhecidos. Recentemente, um dos jornais diários do Irã, o Keyhan – que é administrado pelo governo e cujo editor-chefe foi nomeado pelo aiatolá Khamenei – publicou uma reportagem sobre um professor universitário que foi demitido por propagar o cristianismo na universidade onde lecionava. Esse jornal está alertando o povo sobre os perigos do rápido crescimento da fé cristã entre os estudantes universitários e também entre professores. O corpo docente relatou que um professor foi demitido de seu emprego na Universidade Livre do Irã, na cidade de Ahvaz, província do Khuzistão. 


Fonte:joaodefreitas.com.br/noticias-religiosas

Religiosas do Mosteiro da Luz não querem exposição de múmias


Segundo capelão, vontade de freiras é que túmulo volte a ser fechado. Diretora do museu diz que decisão será tomada em conjunto com as religiosas.
Apesar de despertar muito interesse em pesquisadores, fiéis e curiosos, a descoberta dos corpos mumificados no Mosteiro da Luz, na região central de São Paulo, e uma possível exposição pública deles não têm a simpatia das religiosas que vivem no local. "Uma coisa a gente está querendo, principalmente as irmãs, é que depois de tudo feito, (o túmulo) seja fechado, não haja exposição, que elas (as múmias) fiquem descansando em paz como sempre estiveram" diz o padre Armênio Rodrigues Nogueira, capelão do Mosteiro da Luz.
“Se for pra tomar essa atitude (fazer a exposição), aí, senta-se novamente, com a Igreja, as irmãs e os técnicos. Bom o que vamos fazer? Vamos fechar? Vamos fechar”, afirma a diretora do Museu de Arte Sacra, Mari Marino.
Os dois corpos mumificados foram encontrados por acaso no início de fevereiro. Técnicos que tentavam descobrir um ninho de cupins chegaram até elas, enterradas na parede de uma sala que já havia sido usada como cemitério. Desde então, o local está fechado. Atualmente 15 freiras vivem enclausuradas no mosteiro que foi fundado em 1774 por Frei Galvão, o primeiro santo brasileiro. Algumas fizeram questão de ver de perto a descoberta histórica. "Para elas, é até um sinal de Deus, de que vale a pena viver uma vida consagrada diante da vontade Dele neste mundo" diz o padre Armênio. O achado raríssimo intrigou religiosos e pesquisadores. Em busca de mais detalhes desse mistério, uma equipe do museu fez uma análise do subsolo da sala onde estavam as múmias. A expectativa de especialistas é encontrar mais surpresas no local. Com uma máquina de raio-x, o solo foi examinado. "Com isso nós conseguimos identificar corpos enterrados, tubulações, covas...", explica o geofísico Rinaldo Moreira Marques.
Em outra frente de investigação, um equipamento com uma câmera de vídeo na ponta inspeciona o interior de um túmulo. Sem danificar nada, os especialistas conseguem informações importantes: há muitos cupins nas paredes e uma elevação de terra que pode envolver mais um corpo - mumificado ou não. Desde a fundação, 129 religiosas que viviam no mosteiro morreram.
Fonte: G1

Maracás- Ba: 'Foi uma boa pra mim', diz garoto obrigado por juiz a assistir Missas

Ele tinha 17 anos quando bateu o carro no muro da igreja de Maracás (BA).Juiz resolveu que ele deveria frequentar o mesmo templo que danificou.
“Acho que foi uma boa para mim, vai me fazer refletir e pensar melhor na vida”, conta Diego Martins, de 18 anos, o jovem que precisará frequentar missas por mais três domingos consecutivos como punição aplicada por um juiz. Em janeiro deste ano, o garoto bateu o carro no muro dos fundos da igreja matriz da cidade de Maracás, região sudoeste da Bahia. Na época, ainda aos 17 anos, ele não tinha carteira de habilitação. A estrutura da igreja ficou parcialmente destruída. Durante audiência, o juiz da comarca local, José Brandão, expediu a ordem judicial como punição ao jovem. “Eu já frequentava a igreja católica, era até praticante, mas estava há um tempo sem ir. Agora, pretendo continuar”, avalia o garoto, estudante do 1° e 2° ano do ensino médio. Ele conta que o padre ainda não comentou o assunto, mas que deve fornecer um comprovante no encerramento de cada missa, como aconteceu na primeira. O juiz comentou a decisão na quarta-feira. Segundo José Brandão, apesar de ser uma ordem, a fiscalização da presença do garoto será administrada pelo padre. O juiz contou ainda que o objetivo principal é a ressocialização desse jovem e que ela servirá de modelo para próximas decisões. “Ele declarou no ato que era católico, não impus religião. Eu atuo na área criminal e já pensava em começar a dar essas ordens aos presos, ou seja, liberá-los com essas condições”, relatou. O garoto também foi obrigado a consertar os estragos no muro da igreja.
Maracás, com cerca de 24 mil habitantes e distante 365 Km de Salvador, é conhecida como "cidade das flores" por causa da principal fonte de renda do município, que produz e comercializa várias espécies de flores.
Toque de acolher José Brandão é o mesmo juiz que aplicou a medida chamada de ‘toque de acolher’ na cidade de Maracás, em 2 de junho, e na região de Santo Estevão, que inclui as cidades de Ipecaetá e Antônio Cardoso, em junho de 2009. De acordo com a medida, crianças e adolescentes de 0 a 17 anos só podem circular pelas ruas até as 23h. O horário-limite varia de acordo com a idade. O juiz conta que crianças de até 12 anos podem permanecer nas ruas até as 20h, adolescentes de 13 a 15 anos até as 22h e os jovens de 16 e 17 anos até as 23h. A Polícia Militar e a Guarda Municipal das cidades dão suporte à decisão judicial, através da realização de rondas todas as noites. O indivíduo que desobedecer será encaminhado ao Juizado de Infância e Adolescente, com base no artigo 249 do Estatuto da Criança e do Adolescente (Eca). Os pais responderão a processos e poderão ser multados no valor que varia de três a 20 salários mínimos, se a saída do filho for registrada por três vezes. Após seis dias de implantação em Maracás, 23 jovens foram conduzidos ao Juizado. Para o juiz, está comprovado que a determinação diminui os índices de violência juvenil, tanto como autores como vítimas do crime. “Eles acabam se distanciando da prática do tráfico de drogas deixando de servir como ‘avião’ ou de ficar expostos à prostituição e a abusos sexuais”, informa o juiz.

Fonte:G1

Ator da Globo afirma ter sido curado de câncer graças a Fé que teve em Jesus

Herson Capri
O ator da rede globo Herson Capri, afirma ter sido salvo por Jesus há 12 anos atrás, logo após descobrir um câncer no pulmão. Atualmente o ator tem interpretado o banqueiro Horácio Cortez na novela ‘Insensato Coração’ e diz em entrevista a revista Quem, estar desfrutando de uma boa fase em sua vida, tanto na a familiar, profissional como na espiritual. Há pouco mais de 12 anos atrás o ator, lutou contra um câncer no pulmão esquerdo por mais de um ano, o qual segundo ele leva a falência 90% dos casos. Este câncer, só é possível ser curado se diagnosticado antes da aparição de quaisquer tipos de sintomas. Herson Capri descobriu a doença a tempo, quando estava encenando Jesus Cristo em um espetáculo da Paixão de Cristo, em Nova Jerusalém. Na época estava fora de forma e decidiu fazer uma lipoaspiração para “ficar mais parecido com Jesus”, foi então, nos exames preparatórios que detectaram o câncer. O ator afirma que sempre acreditou na relação entre a descoberta da doença ter se dado justamente quando iria interpretar a Cristo, ainda que muitos lhe dissessem ser besteira a associação, ele respondia que babaquice era eles não depositarem a credibilidade em Jesus. Na infância Capri frequentava a um colégio onde os estudos religiosos eram obrigatórios, enquanto em casa seu pai sendo totalmente ateu, o que lhe causará uma vida religiosa um tanto quanto contraditória. O ator afirma que suas práticas de fé começaram a se acentuar após ser salvo do câncer. (…) Fui salvo por Jesus literalmente. Fui fazer Jesus Cristo, quis ficar magro igual a ele e isso acabou salvando minha vida (…)
Fonte: rius.com.br



Lula chama de “bobagem” declaração de Jesu


PDF Imprimir E-mail 
O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva interpretou, nesta quinta-feira, uma famosa passagem bíblica onde Jesus diz: “Bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus”. Em Salvador, ele disse que é “bobagem” o que o Novo Testamento apregoa sobre a promessa de que o reino dos céus é para os pobres. Ele discursou de manhã para uma plateia formada em sua maioria por pequenos agricultores.
— Bobagem, essa coisa que inventaram que os pobres vão ganhar o reino dos céus. Nós queremos o reino agora, aqui na Terra. Para nós inventaram um slogan que tudo tá no futuro. É mais fácil um camelo passar no fundo de uma agulha do que um rico ir para o céu . O rico já está no céu, aqui. Porque um cara que levanta de manhã todo o dia, come do bom e do melhor, viaja para onde quer, janta do bom e do melhor, passeia, esse já está no céu. Agora o coitado que levanta de manhã, de sol a sol, no cabo de uma enxada, não tem uma maquininha para trabalhar, tem que cavar cada covinha, colocar lá e pisar com pé, depois não tem água para irrigar, quando ele colhe não tem preço. Esse vai pro inferno — discursou Lula, para delírio das cerca de mil pessoas que lotavam o auditório de um hotel de Salvador. Pouco antes de falar, recebeu de presente uma garrafa de cachaça. Como se ainda estivesse ocupando a cadeira de presidente da República, Lula fez um balanço de suas realizações.
Adaptado de O Globo.
Fonte: www.juliosevero.com

ZONAL QUARTO REALIZA TERCEIRO ACAMPAMENTO JOVEM

No ultimo domingo, dia 17, aconteceu o terceiro acampamento jovem na paróquia Nossa Senhora do Ó em Serra Negra do Norte. Desta Paróquia foram oitenta e dois jovens: 50 do grupo nova geração, 29 da Renovação Carismática e 3 da JUFRA. Durante todo o dia houve celebração da Santa Eucaristia, apresentações, pregação do coordenador da PJ de Natal e em seguida animação com a banda missão de Cristo. O encontro terminou com o terço da Divina Misericórdia e Benção do Santíssimo Sacramento.




Grupo Nova Geração







quinta-feira, 21 de julho de 2011

Centro de Documentação e Memória completa 10 anos zelando pela história do Santuário Nacional de Aparecida



Fundado em 8 de outubro de 2001, o CDM – Centro de Documentação e Memória Padre Antão Jorge completa 10 anos no próximo mês de outubro. O departamento tem a responsabilidade de zelar pela história do Santuário Nacional, informou o Portal A12 este 19 de julho.

O CDM conta com um repleto acervo de documentos, fotos e outros materiais que contam a história da devoção à padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida.

Localizado na Torre Brasília, no Santuário, o local serve como fonte para pesquisas de muitos estudiosos que precisam conhecer melhor a história de Nossa Senhora Aparecida e seu Santuário.

De acordo com Dorothéa Barboza, a coordenadora do local, em declarações reunidas pelo portal A12.com, o CDM está atento à todo o documento que faça referência ao Santuário da Mãe Aparecida.

“Tudo que é produzido pelo Santuário, ou sobre ele, procuramos arquivar. Temos aqui infinitos documentos, como o Decreto da Rosa de Ouro, fotos desde 1904 quando da Coroação de Nossa Senhora, além de plantas da Basílica, projetos do Artista Plástico Cláudio Pastro, filmes de rolo da época em que Nossa Senhora foi proclamada Padroeira do Brasil e negativos de vidro das décadas de 50 e 60. 

“Atendemos vários pesquisadores, além é claro, de estudantes que passam por uma triagem e procuram informações para trabalhos de faculdade”, afirmou a encarregada do CDM.

Toda documentação arquivada passa por um tratamento especial. As fotos e documentos passam por higienização e ficam em local climatizado para que não sofram danos.

“A temperatura e a umidade do ar são controladas a cada duas horas. Todo cuidado é tomado para que nossa documentação não sofra algum tipo de dano”, ressaltou Dorothéa.

Prestes a completar 10 anos, o CDM ganhou espaço também no site do Santuário Nacional. Os devotos de todo Brasil podem conhecer um pouquinho mais sobre a história da Casa da Mãe acessando o portal 


Fonte: acidigital.com

Sacerdotes irlandeses poderiam ir à prisão por manter segredo de confissão



Um destacado canonista advertiu à agência ACI Prensa que as autoridades irlandesas anunciaram uma mudança legal que poderia levar à prisão os sacerdotes que mantenham o segredo de confissão em casos de abuso sexual.

O Padre Paul Hayward, editor de publicações da Sociedade de Direito Canônico da Grã-Bretanha e Irlanda, explicou que "necessitamos mais claridade sobre o que exatamente (as autoridades) se propõem a fazer mas, com certeza, nenhum sacerdote que valorize seu sacerdócio quebraria o segredo de confissão. Isto poderia converter em mártires muitos sacerdotes irlandeses".

O perito fez estes comentários no dia 15 de julho, um dia depois que o Primeiro Ministro irlandês Enda Kenny prometeu introduzir uma nova lei que levaria à prisão por até cinco anos os sacerdotes se eles não denunciarem às autoridades os crimes de abuso sexual revelados durante as confissões.

A proposta contradiz o Direito Canônico que defende a inviolabilidade do segredo sacramental e proíbe aos confessores trair de modo algum os penitentes e inclusive sanciona com a excomunhão latae sententiae (automática) aqueles que o infrinjam.

Fonte: acidigital.com

Irmão do Papa lança livro de memórias sobre o Santo Padre


No próximo mês de setembro será lançado em Munique o livro "Mio fratello, il Papa" (Meu irmão, o Papa), com histórias contadas pelo seu irmão mais velho, o Monsenhor Georg Ratzinger. A notícia foi divulgada ontem na Alemanha pelo porta-voz da casa editora alemã Herbig Verlang, que publicará o livro.

Hoje com 87 anos, Georg, junto ao seu irmão Joseph, receberam 60 anos atrás a ordenação sacerdotal. Segundo a Rádio Vaticano, o livro apresenta as memórias do irmão do Papa narradas ao escritor e historiador Michael Heseman, e mostram a profunda relação entre os irmãos Ratzinger, desde os primeiros momentos da infância, passando pela ordenação conjunta, até os dias atuais.

O irmão Georg é a única pessoa próxima da família do Santo Padre que é hospedada com frequência no Vaticano. Juntos, os irmãos passam um período de tempo no verão também em Castelgandolfo.

"Mio fratello, il Papa" será publicado em alemão, terá 256 páginas e custará aproximadamente 20 euros. 

Fonte:acidigital.com

   
Na sexta-feira, 22, das 9h às 11h, as Pastorais da Juventude irão lançar na Escola Municipal Themístocles Gadelha, na zona leste de Manaus (AM) o Seminário Estadual da Campanha Nacional Contra a Violência e o Extermínio de Jovens.
A Campanha trata-se de uma ação articulada de diversas organizações para levar à sociedade o debate sobre as diversas formas de violência contra a juventude, especialmente o extermínio de milhares de jovens que está acontecendo no Brasil.
O Lançamento do Seminário em Manaus é uma realização das Pastorais da Juventude, com apoio de diversos Movimentos Sociais e Poder Público, e tem como objetivo denunciar a violência e mobilizar a sociedade no que se refere aos debates sobre extermínio de jovens, segurança pública, sistema carcerário, direitos humanos e outros tipos de violência, promovendo conscientização e desencadeando ações que possam mudar essa realidade de violência e morte.


Fonte: Conferência Nacional dos Bispos (CNBB).

Fundação “Populorum Progressio” reúne-se no Brasil



O Conselho de Administração da Fundação Populorum Progressio, organismo querido por João Paulo II para ajudar a América Latina, está realizando, de hoje até o dia 22 de julho, seu encontro anual em Belém do Pará (Brasil).
Um comunicado do Conselho Pontifício Cor Unum, ao qual pertence a Fundação desde seu nascimento, em 1992, informa que a reunião se realizada no Mosteiro da Transfiguração de Castanhal.
Como todos os anos, recorda a nota, os prelados que fazem parte do Conselho de Administração “estão chamados a deliberar sobre o financiamento de projetos a favor das comunidades agrícolas, indígenas, mestiças e afro-americanas da América Latina e do Caribe”.
A Fundação recebe os fundos para financiar os projetos sobretudo do Comitê para as intervenções caritativas a favor dos países do Terceiro Mundo da Conferência Episcopal Italiana (CEI).
O Conselho de Administração da Fundação realizada tradicionalmente sua própria reunião anual em um país da América Latina, para conhecer melhor a realidade e para compartilhar as atividades realizadas nas igrejas particulares.
Já que neste ano o evento acontece no Brasil, indica a nota vaticana, “se dedicará especial atenção à situação dos indígenas, numerosos no país, e a estas partes da população que estão em condições de maior pobreza”.
Particular importância terão também as indicações pastorais já acolhidas pela Fundação e provenientes do documento conclusivo da V Conferência Geral do Episcopado Latino-Americano e do Caribe, que aconteceu em Aparecida (Brasil) em 2007.
Ontem, o Conselho analisou a situação sociopolítica e eclesial dos vários países latino-americanos, para enquadrar melhor as necessidades às quais os projetos financiados pela Fundação pretendem responder. Realizou-se uma solene celebração na nova catedral de Castanhal, por convite do bispo, Dom Carlos Verzeletti.
Nos dias 20 e 21 de julho, examinarão detalhadamente e serão aprovados os projetos individuais apresentados pelos bispos dos diferentes países.
Neste ano, foram apresentados 21 projetos, num valor de 2.980.470 dólares, por parte de 19 países. Os países que mais apresentaram foram: Colômbia (50), Brasil (43), Peru (23), Equador (18) e El Salvador (13).
O documento vaticano destaca que “se espera discutir projetos dos países onde vivem comunidades indígenas em condições de marginalização, particularmente difíceis, nas proximidades das grandes metrópoles latino-americanas, como também em regiões inacessíveis ou de difícil acesso”.
Estas iniciativas, acrescenta a nota, “servirão para responder às necessidades dos diversos setores: produção (agrícola, pecuária, artesanal, microempresas); infraestruturas comunitárias (água potável, sanitários, salões comunitários); educação (formação, material escolar, publicações); saúde (campanhas de prevenção, material médico para os ambulatórios); construção (centros educativos e de saúde)”.

Fonte: Zenit

PAPA ENVIA AJUDA FINANCEIRA PARA ÁFRICA






O papa Bento XVI anunciou hoje o envio de uma ajuda de 50 mil euros às populações afetadas pela seca e pela emergência humanitária na região conhecida como Chifre da África, no nordeste do continente, por meio do Pontifício Conselho Cor Unum, o conselho de caridade do pontíficie. 

   
Essa primeira soma de dinheiro foi entregue ao monsenhor Giorgio Bertin, administrador apostólico de Mogadiscio, que está evolvido pessoalmente na ajuda a essas populações que vivem, principalmente, na Etiópia, Eritreia, Djibouti, Uganda, Quenia e, sobretudo, na Somália, onde a situação é a agravada por um estado permanente de guerra civil. 
   
O Vaticano destacou que são cerca de 10 milhões de pessoas afetadas pela emergência humanitária devido à carência de alimentos e a seca no continente, considerada a pior dos últimos 60 anos. 
   
O Papa fez no último domingo, durante a oração do Angelus, um chamado pedindo ajuda para a comunidade internacional. 
 

Fonte: ANSA

















14° HALLELUYA - FORTALEZA/CE

FÉ E MUITA ORAÇÃO MARCAM O FESTIVAL 

Acompanhado por uma multidão, o padre Antônio Furtado celebrou missa de abertura do festival, que segue até domingo no Condomínio Espiritual Uirapuru (CEU). Famílias inteiras aproveitam festa para se aproximar de Deus.
As bênçãos do padre Antônio Furtado deram o tom da primeira noite do Festival Halleluya. A missa celebrada pelo religioso transformou o Condomínio Espiritual Uirapuru (CEU), no Castelão, em um verdadeiro templo. Com velas nas mãos, uma multidão emocionada adorou o Santíssimo e deu as boas-vindas à 14ª edição do festival. Com shows, teatro, esportes radicais e espaços de oração, o evento gratuito segue até domingo.

Após a celebração de ontem, o Santíssimo foi levado por Antônio Furtado ao Espaço Misericórdia. No local, todos os dias haverá religiosos para que o público possa se confessar, além de projeção de filmes e rodas de conversa.

Fieis lotaram o CEU no primeiro dia de Halleluya (SARA MAIA)
Apresentações musicais, teatro, dança, esportes radicais e oração fazem parte da programação da 14ª edição do Festival Halleluya. O acesso ao evento é gratuito, mas a organização pede que, quem puder, doe um quilo de alimento que será destinado a instituições filantrópicas. Os portões do CEU abrem para o público às 19 horas. 


Fonte: O povo online

quarta-feira, 20 de julho de 2011

ORDENAÇÃO DIACONAL DOS FREIS HELENO JANUARIO, EDIVAN SANTOS E JOSÉ ANDRE

Fiéis lotam Juazeiro para lembrar 77 anos da morte de padre Cícero


As bandeiras nas praças avisam a quem chega que Juazeiro do Norte está em dias de festa. Às vésperas do centenário de emancipação, a cidade recepciona os romeiros, que começam a lotar praças, igrejas e pousadas para a romaria do 77º aniversário de morte de padre Cícero, lembrado hoje.
 Vindos de todos os cantos do Ceará e do Nordeste, os fiéis se dividem entre as orações nas igrejas, as filas dos ofertórios das missas e as compras no mercado popular. 
No Horto, a estátua de padre Cícero recebe os últimos acabamentos, para reinauguração marcada para amanhã. 
fonte: o povo online

Prêmios de Comunicação da CNBB marcam o dia de hoje do Muticom



premioscomunicacao2011_cnbb

Na noite de hoje, 20, um dos pontos altos do 7º Mutirão Brasileiro de Comunicação (Muticom) será a entrega dos Prêmios de Comunicação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Nos dias 8 e 9 de junho, o júri reunido na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) escolheu os vencedores das categorias: Dom Helder Câmara, de Imprensa; Clara de Assis,  TV; Margarida de Prata, Cinema e Microfone de Prata, Rádio.
A entrega dos Prêmios de Comunicação será transmitida, ao vivo, pelas TVs de inspiração católica. O evento começa às 20h, direto do Ginásio Poliesportivo da PUC-Rio.
Os vencedores desse ano foram: na categoria prêmio Dom Helder Câmara de Imprensa, Letícia Alline Paris, com a reportagem “Adolfo Guidi, dedicação e luta pela vida de um filho”, publicada na Revista O Mensageiro de Santo Antônio, e Daniele Simões, Paulo Eduardo de Gois e Felipe Chicarino da Silva, com a reportagem “Força de Vontade”, do Jornal Santuário de Aparecida. Os outros vencedores foram Alexandre Lyrio, Jorge Gauthier e Victor Uchoa, com a série especial sobre a vida de Irmã Dulce, com o trabalho “Além do hábito”.
Na categoria Clara de Assis de Televisão, o vencedor na categoria reportagem foi Laerte José Cerqueira da Silva, da TV Cabo Branco (afiliada da Rede Globo na Paraíba), com a matéria “Caravana – JPB – Paraíba”. Na categoria documentário, o prêmio Clara de Assis teve dois vencedores: a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), com o filme “Paternidade ausente, histórias incompletas” e Pedro Luiz Monteiro Teixeira, da Rede Canção Nova, com o filme “Irmã Dulce”.
No Margarida de Prata os vencedores foram: o longa-metragem de ficção “Aparecida, o milagre”, de Tizuka Yamasaki. Na categoria documentário de longa-metragem o escolhido foi “Família Braz – Dois Tempos”, de Dorrit Harazim e Arthur Fontes. Na categoria documentário, o vencedor foi Zelito Viana, com o filme “Augusto Boal e o teatro do oprimido”. O filme, “Esse homem vai morrer – Um Faroeste Caboclo”, de Emílio Gallo, recebeu a menção honrosa do júri, como documentário investigativo.
E no prêmio “Microfone de Prata”, os contemplados foram: na categoria religioso, “A caminho do Reino”, Rádio 9 de julho, arquidiocese de São Paulo (SP), apresentação padre José Renato; categoria jornalismo, “Jornal da Manhã”, Rádio Educadora AM, Coronel Fabriciano (MG), apresentação de Roberto Siqueira e categoria entretenimento, “Caminhos da Amazônia”, Rede de Notícias da Amazônia – Rádio Santarém (PA), apresentação Joelma Viana e Anderleia Oliveira.
Fonte: CNBB

Equipe da Campanha Missionária prepara DVD



Um DVD está sendo preparado pela equipe encarregada pela elaboração do material para a Campanha Missionária de outubro de 2011, coordenada pelas Pontifícias Obras Missionárias (POM).
Inspirado no tema central "Missão na Ecologia", o material deve ser produzido pela Verbo Filmes e trará reflexões sobre “zelar pelos recursos da natureza”, “A defesa da Amazônia” e “A luta contra o mau uso das obras de Deus”.
“Missão é encantar-se com as obras de Deus, mas infelizmente, essa maravilha está sendo maltratada, por isso a segunda reflexão será sobre a indignação pela profanação dessas obras", o secretário da Pontifícia União Missionária, padre Sávio Corinaldesi, que apresentou os temas dos dias da Novena Missionária que servirão de base para o DVD.
Para monsenhor Daniel Lagni, que coordenou os trabalhos, o objetivo é levar as pessoas e as comunidades a se comprometerem com a Missão na Ecologia através de gestos concretos e mudanças de comportamento diante da crise ecológica atual.
Fonte: CNBB

Promoção para ir a Madri durante a Jornada Mundial da Juventude

A Comissão Episcopal Pastoral para a 
Juventude, da Conferência Nacional dos
Bispos do Brasil (CNBB), está promovendo 
um concurso cultural de vídeos e o 
vencedor vai ganhar uma passagem ida e 
volta de Brasília para Madri e a inscrição na 
JMJ.Para participar, o jovem deve 
produzir um vídeo de até dois minutos de 
duração respondendo à pergunta: 
“Para você, o que é ser um Jovem 
Conectado?”. Em seguida, ele deverá 
colocar seu vídeo no YouTube e fazer 
sua inscrição no endereço eletrônico http://www.jovensconectados.org.br/promocaojmj,
informando o link do vídeo.
As inscrições no concurso podem ser feitas 
entre os dias 4 e 25 de julho e o resultado
será divulgado no dia 28. Podem participar 
da promoção todos os jovens com idade 
entre 18 e 30 anos. O regulamento 
completo pode ser lido na página 
oficial da Comissão para a Juventude:
www.jovensconectados.org.br .
O vencedor ou a vencedora do concurso
terá a oportunidade de se juntar aos mais 
de 13 mil jovens brasileiros que já estão 
inscritos na Jornada Mundial da Juventude,
o maior evento católico do mundo. 
Entre os dias 16 e 21 de agosto, pessoas 
de todo o planeta se encontrarão, em Madri, 
com o Papa Bento XVI e viverão
dias de oração, peregrinação e festa.
Siga a perfil da Comissão para a 
Juventude no Twitter:
e curta sua página no Facebook:

Fonte: Setor Juventude CNBB

II Prêmio Odair Firmino de Solidariedade

Inscrições para o Prêmio Odair Firmino vão

 até o dia 31 de julho

Estimular ações de disseminação e divulgação da cultura da 
solidariedade, além de valorizar experiências de caráter
 coletivo que defendam e promovam os direitos humanos. 
Este é apenas um dos objetivos do Prêmio Odair Firmino
 de Solidariedade, promovido pela Cáritas Brasileira.
Este ano, como tema: “Mulher, Meio Ambiente e 
Desenvolvimento”, serão selecionadas experiências que
 promovam a inclusão social das mulheres, ações produtivas
 ou extrativistas de grupos de mulheres na perspectiva
 da promoção e na recuperação da biodiversidade, além
 de ações que contam com a participação de mulheres
 nas mobilizações, articulações de lutas e na construção 
de políticas públicas.
Em 2010 foram inscritos dezenas de projetos de todo
 Brasil, 13 foram classificadas como pré-finalistas e
 três experiências que foram premiadas em uma 
cerimônia realizada em Brasília (DF).
Este ano, os classificados em primeiro, segundo e terceiro
 lugar, receberão, além de troféu e certificado, uma
 premiação de R$ 10.000,00 (dez mil reais), R$ 5.000,00
 (cinco mil reais) e R$ 3.000,00 (três mil reais), 
respectivamente.
As inscrições são gratuitas e vão até o dia 31 de julho.
Além de fazer a inscrição on-line pelo Sistema de Inscrição disponível 
no site da Cáritas Brasileira 
(www.caritas.org.br), os interessados também 
poderão enviar suas experiências para: 
premioodairfirmino@caritas.org.br.
A Cáritas Regional Nordeste 2 contribuirá com o processo 
de pré-seleção das experiências oriundas dos estados 
de Pernambuco, Alagoas, Paraíba, Rio Grande do Norte,
Bahia, Ceará e Sergipe.
Na etapa de pré-seleção será formado um Grupo de Trabalho
(GT) composto por três membros, sob coordenação do Regional
Nordeste2. O GT contará com a colaboração de um representante
dos fóruns ou articulação de mulheres da região, além de um 
representante de órgão governamental e um membro 
das Pastorais Sociais/CNBB Regional, que trabalham com
ações ligadas ao tema do Prêmio.
Para acessar o Regulamento 
e a Ficha de Inscrição: http://premioodairfirmino.org.br

Fonte:Assessoria de Comunicação Cáritas NE2

E então o que é esse tal de amor?


AMOR

Amor, estranho amor, maneira de amar.
Como já disse uma vez o saudoso Pedro Bial: Não seja leviano, não ature gente de coração leviano.

Amor, amar, nada mais é que um ciclo, doloroso e as vezes até vicioso.
As vezes sentimos tanta coisa por uma pessoa, esperamos tanto dela, que nos decepcionamos tremendamente, o certo seria não esperar nada de ninguém, e se surpreender com cada ato, cada ato tão esperado ocultamente, guardado em nossas esperanças.

Só porque uma pessoa não gosta de você do jeito que você quer, não quer dizer que ela não goste de você de alguma forma, que ela não te ame de alguma maneira. Mas, o pior ato que o ser humano pode cometer, é despertar o amor em uma pessoa, se não vai corresponde-la, de nenhuma forma.

Não quero que esse post, se transforme em nada meloso, nem 'romântico'.
Mas, brinque com o que você quiser, mecha no que bem entender, mas jamais, em hipótese alguma, fira os sentimentos de alguém, Não prometa nada além do que pode cumprir.

Nos ensinaram desde pequenos que um dia, na fila do banco, no trabalho, em algum lugar, alguém vai passar, algo vai mudar, seus olhos ficarão focalizados, a voz rouca, as pernas tremerão e pronto... é isso mesmo... tá amando meu filho ;)

Ninguém ao certo sabe, quando ou onde esse botão 'AMOR' é acionado no ser humano, o problema de tudo isso, não é o sentimento em si, e sim, as consequências. Tolos que somos, imaginamos a perfeição em pessoa ..
linda, cheirosa, acorda bem, sem mau hálito, tem bom coração, educada, elegante e mais um milhão de qualidades.

Com o tempo, percebemos, que essa projeção perfeita, não passa disso... apenas uma projeção. Se houver amor de verdade, todos as dificuldades serão ultrapassadas, caso contrário...

Bom, cientistas ainda não acharam a resposta, onde, quem, desliga e reinicia esse botão novamente.

Kayque Meneguelli